Empreender para fortalecer propósitos e transformar

 

Toda a nossa bagagem com o marketing vem de experiências pessoais, tanto atuando em empresas quanto empreendendo e promovendo o que acreditamos (essa fase, desde 2008).

E especialmente, claro, com o Review e o Guia Slow Living e as nossas buscas e sintonias para inovar, para resgatar o cuidado e a consciência. Um novo modo, humanizado e consciente, de empreender, comunicar e promover. Para transformar. Uma ressignificação tão necessária, especialmente para essa área. O oposto de muito do que já tínhamos vivenciado e visto por aí. Não é a toa que a própria palavra marketing se tornou mal vista, como um sinônimo de atitudes falsas e manipuladoras com o único foco no lucro.

Daí a proposta de abordar mais profundamente um slow marketing, que ficou ainda mais forte quando chegamos em uma nova página por aqui, enfatizando, além da vida, produção e consumo mais conscientes e significativos, o próprio slow empreendedorismo.

E também a partir da leitura do livro Marketing Consciente – Como Criar um Negócio Incrível com uma Nova Abordagem para o Marketing, da australiana Carolyn Tate.

A autora possui anos de experiência na área e é também, dentre outras coisas, fundadora da Slow School of Business, mais uma iniciativa inspiradora que traz novas visões para o aprendizado e para o mundo dos negócios – em especial os pequenos produtores.

É com base em nossas experiências diversas, pesquisas e aprendizados, mais as inspirações desse livro, que abordamos aqui no Review o Slow Marketing.

Confira também o seu manifesto e mais sobre esse tema em nosso blog,  instagramcomunidade.

 

“Acredito que o marketing é, na verdade, o ingrediente mais essencial para a construção de um negócio consciente. Ele é responsável pela forma como seus clientes, fornecedores, funcionários e comunidade percebem você.

O marketing é um trabalho de dentro para fora e tem o poder de transformar sua empresa. E o marketing consciente é tudo sobre a construção de algo tão fundamentalmente bom e atrativo para o coração de seus negócios, produtos e serviços que todos (fornecedores, funcionários e comunidade) querem se juntar e espalhar a mensagem.

O marketing consciente não é sobre a construção de um produto comum e, em seguida, a manipulação das pessoas para comprá-lo através de atividades promocionais inconscientes e massivas. E nem meramente outro termo para responsabilidade social corporativa ou filantropia. Trata-se de construir uma empresa, produtos e serviços com profunda consideração pelo cliente, ao mesmo tempo em que envolvemos e cuidamos de todas as partes envolvidas em seu ecossistema.

Trata-se de construir algo tão bom que requer investimento mínimo em atividades promocionais tradicionais. Seu negócio se torna um movimento, um lugar onde as pessoas sentem que pertencem, um canal para quem pensa da mesma maneira e busca mudanças.

Marketing consciente é garantir que suas atividades estejam alinhadas com seu propósito maior – o porquê do que você faz. Trata-se de adotar uma abordagem de liderança de causa e trazer sua indústria junto com você, em um espírito de colaboração em vez de competição, para abordar e consertar o que está quebrado em sua área e o que não está servindo às pessoas.

Finalmente, o marketing consciente é sobre promover sua oferta com honestidade, transparência e coerência, e com mensagens de alegria, esperança, amor e humanidade. Em última análise, o seu negócio será sustentável e rentável porque o seu produto ou serviço e a sua mensagem farão do mundo um lugar melhor. Trata-se de sustentabilidade a longo prazo, em que o lucro é um subproduto e não o foco único.” – Carolyn Tate