O Ciclo do Slow Marketing | Marketing Consciente, por Carolyn Tate

Por Bruna Miranda

Publicado em , , | Tags : , , , , , , , , , ,

Para quem quer empreender nesse crescente mercado sintonizado ao slow living, pra quem já empreende, ou como uma inspiração para aplicar na vida e no trabalho. E também para refletirmos e continuarmos a fortalecer nossa mensagem, dentro e fora.

E ainda: para nos conectarmos cada dia mais com quem se sintoniza às nossas buscas (essa, a melhor recompensa).

Foi bem gratificante a receptividade do primeiro post sobre Slow Marketing, e continuamos a nos inspirar com o tema seguindo o Ciclo do Marketing Consciente, uma abordagem simples e eficiente desenvolvida pela Carolyn Tate, empreendedora e autora australiana que destacamos aqui.⠀

Seguindo a imagem do topo desse post, estão cinco elementos base, acompanhe:

Pessoal (Você – representado pela figura Yogi) 

No coração das decisões sólidas em seus negócios e marketing está a sua constante motivação por crescimento e desenvolvimento pessoal e o seu compromisso com a evolução diária da sua consciência. Os empresários e líderes bem sucedidos entendem absolutamente que o sucesso nos negócios é 50% pessoal e 50% profissional. Sem um compromisso com aprendizado pessoal e crescimento, você pode lucrar a curto prazo, mas nunca conseguirá sucesso a longo prazo.

Propósito (Por Que)

O propósito é a base para o seu negócio – sem ele, você não tem nada. O propósito é todo sobre porque você faz o que você faz, sobre definir bem no núcleo o que você defende e como sua empresa fará a diferença no mundo. Todas as decisões de negócios vêm do propósito. Suas mensagens e comunicações, interna e externamente, alinham-se com seu propósito ou causa. Sua empresa, na verdade, se torna uma líder de causa em seu setor. Um bom lugar para começar com o propósito é perguntar: “O que há de tão quebrado em minha indústria que precisa ser corrigido?”. Então vá consertar. Enquanto o seu propósito se torna uma declaração clara de intenção para o seu negócio, são as suas ações que o tornam real. Pense nele como um “movimento”, ao invés de uma empresa comercial.

Produto (O Que)

Seus produtos e serviços são a manifestação do seu propósito. Seu objetivo é criar produtos e serviços tão bons e tão atraentes que as pessoas simplesmente queiram se juntar ao seu grupo. Você sempre pode dedicar mais tempo para buscar entender quem você realmente quer ajudar e como o seu produto os serve melhor (isso inclui todas as partes da experiência de entrega e serviço). Muitas empresas fazem o oposto. Eles adotam a abordagem “construa e eles virão” e, em seguida, encontram-se usando táticas promocionais de massa para manipular as pessoas a comprar. Isso é o oposto do que a teoria de marketing consciente propõe.

Pessoas (Quem)

Claro que é imprescindível que o seu produto ou serviço seja construído com o seu cliente ideal em mente, mas também deve ser construído com todas as partes interessadas em mente, e 100% dentro do negócio. Pense nele como um ecossistema que abraça aquele outro P – o planeta – ao lado de sua comunidade, seus fornecedores, funcionários, investidores, sua indústria e até mesmo seus “concorrentes” e, finalmente, é claro, sua própria família. Os líderes de empresas orientadas por propósitos praticam o amor e a humildade universais, sabendo que são simplesmente uma engrenagem na roda da vida e dos negócios. Quando todas as partes interessadas estão continuamente engajadas em um nível específico e quando acreditam profundamente em seu produto, elas serão seus fãs mais leais.

Promoção (Como – localizado do lado de fora do círculo)

Esse é o elemento final da equação, a área mais associada ao marketing. Embora a promoção seja obviamente essencial, neste modelo coloquei-a fora do círculo integral, porque acredito que, se você se concentrar continuamente nos outros quatro elementos, a atividade promocional se torna menos crucial para o seu sucesso e sustentabilidade. Promover se torna mais simples e menos demorado e custoso, à medida em que os novos negócios passam pelo boca a boca e pela reputação. A promoção também se torna uma atividade muito mais autêntica e prazerosa, porque vem de um profundo senso de propósito e serviço.

Como Funciona

Este modelo é projetado como um ciclo ininterrupto e interminável que está continuamente em movimento. Tudo, no entanto, decorre do propósito, a base que determina toda tomada de decisão. É um modelo de alto nível que se sobrepõe a várias áreas e questões mais profundas que precisam ser consideradas para cada elemento. Por exemplo, Propósito (Por Que) é o precursor para definir sua visão e valores, enquanto o Produto (O Que) é o precursor para considerar sua experiência de atendimento ao cliente e assim por diante. Seja você alguém que acaba de sair do mundo corporativo e está começando um negócio por conta própria, um empresário experiente com 20 funcionários ou um chefe do departamento de marketing de uma grande instituição, esse modelo pode ser aplicado de maneira útil. Ele o ajuda a considerar como se você fosse uma start-up, para olhar com novos olhos. O que você faria se pudesse começar tudo de novo?

Observação: esse material faz parte das amostras gratuitas do livro “Marketing Consciente – Como Criar um Negócio Incrível com uma Nova Abordagem para o Marketing”, disponíveis online.

Compartilhe esta história

Sobre Bruna Miranda

Incentivo pessoas e empresas a transformarem o presente e futuro com o Slow - Living, Empreendedorismo, Marketing, Trends.

Publicações Relacionadas