Guia Slow Pelo Brasil | Um escritório no jardim | Porto de Galinhas/PE

Por Bruna e Ismael

Publicado em , , , , , | Tags : , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Para um trabalho produtivo em um espaço agradável. Mais do que procurar uma próxima casa com aconchego pra ficarmos alguns dias/semanas ou mais, buscamos também um escritório remoto que nos atenda bem. E quando tem ar livre e um jardim lindo assim, então!

É o que nos chamou a atenção nessa casa do anfitrião Kiko Alcântara, que mora em São Paulo e aluga pelo Airbnb a casa que é de sua família há décadas, em Porto de Galinhas, Pernambuco – cidade que já tinha conhecido muitos anos atrás, em sua versão menor. Tinham me falado do quanto o turismo convencional se desenvolveu por lá, o quanto ela cresceu, e não posso discordar. O bom de Porto de Galinhas é que lugares incríveis em seus arredores, pra todos os gostos, também não faltam! E como fomos na baixa temporada, não vimos tanto movimento. E também porque, saindo de Tamandaré, ficamos nessa casa por menos tempo por conta dos nossos compromissos agendados em Recife.

Voltando à casa, quem nos recebeu foi o caseiro Edinho, que é bem solícito e nos recebeu com um mimo do anfitrião, um bolo de rolo, famosa sobremesa por aqui! O espaço tem muita área verde por perto e é bem fechado, o que nos deixou tranquilos com os cachorros, que também aproveitam cada graminha, uma maravilha. Chegando lá pudemos adiantar um bocado do trabalho na varanda mesmo, com a casa toda aberta, pra ventilar e clarear. Dos três quartos disponíveis, com uma suíte, acabamos usando praticamente só a sala, rs, e por quê? Pela TV incrível que, mesmo brevemente, foi jóia pra matar um pouco a saudade do Netflix e de um bom documentário. Fizemos um “acampamento” genial, desses que lembram os domingos preguiçosos de casa.

A cozinha também é uma beleza à parte, por ter ventilador de teto (o que pode ser melhor pra cozinhar no calor do nordeste?), filtro com água natural ou gelada (coisa difícil de se encontrar em casas compartilhadas) e janela e porta voltados pra mais áreas abertas do quintal, com lindas plantas, flores e pés de acerola, manga e coco. Uma chuva fina no meio da tarde nos presenteou com o melhor cheiro de terra molhada, com o barulho da água caindo pelas folhas… Além disso, a cozinha é a mais bem equipada da vida! Tudo mesmo o que você precisar vai estar ali bem guardado.

Da cidade, aproveitamos pra caminhar um pouco até o calçadão de lojas e restaurantes, colados na praia, e conferir de perto todas aquelas opções, são cinco minutinhos de distância. Muito próximo também de um supermercado grande e todo tipo de comércio prático. Só a vizinhança que não é a mais silenciosa, apesar da rua ser bem tranquila e de terem sido momentos específicos no fim da tarde, com um som mais alto. Fechar as janelas e colocar pra funcionar alguns dentre os vários ventiladores da casa resolveu. Coisa de cidades maiores mesmo.

E pra finalizar volto ao jardim, que se tornou uma experiência deliciosa de fotografar. Uma simples contemplação da natureza faz tão bem! Agradecemos pela estadia, pela utilidade do espaço e pelos bons momentos!

– –> Também se interessou pela casa do Kiko, em Porto de Galinhas? Ela está disponível para aluguel por temporadas durante todo o ano, saiba mais e RESERVE AQUI.

Compartilhe esta história

Sobre Bruna e Ismael

Incentivamos pessoas e empresas a transformarem o presente e futuro com o Slow - Living, Empreendedorismo, Marketing, Trends.

Publicações Relacionadas