A Bahia do Kiaroa Eco Resort

Por Bruna Miranda

Publicado em , | Tags : , , , ,

A costa brasileira, tão repleta de atrativos para todos os gostos, e a dúvida (cruel) para escolher um destino. Um recanto escondido no extenso litoral, localizado na Bahia, é o foco das atenções nos últimos anos e tem se destacado consistentemente como paraíso natural preservado: a Península de Maraú. É lá que se localiza o Kiaroa Eco-Luxury Resort, um local que combina com harmonia o luxo e a sintonia com a natureza. O espaço oferece o mais alto padrão de serviços em hospedagem e bem-estar, com detalhes bem pensados.

Proprietários do local, o italiano Ferruccio Bonnazzi e a paulista Sandra Lopes são apaixonados pelas belezas naturais brasileiras e empreendedores experientes no mercado de luxo. Há quase dez anos, idealizaram o Kiaroa como um refúgio exclusivo e sustentável, quando ainda pouca gente conhecia o conceito, hoje mais amplamente divulgado. O resort é ecologicamente correto desde o início, da construção à manutenção, passando por todos os detalhes de estrutura, design e responsabilidade social. Isso tudo está atrelado ao próprio ‘sobrenome’ do resort, um conceito reconhecido nos destinos mais vanguardistas do mundo. “O termo eco-luxury refere-se ao processo das atividades econômicas que, simultaneamente, promovem uma economia sustentável e padrões de alta qualidade”, explica Ferruccio, acrescentando que a grande maioria dos funcionários são nativos da região.

"Melhor Hotel em Sustentabilidade na América do Sul em 2008 — World Travel Awards", "Melhor Hotel de Praia Luxo do Brasil 2007 — Revista Veja", "Melhor Resort de Praia da América do Sul — Condé Nast Johansens 2009" - Foto Kiaroa Divulgação

“Melhor Hotel em Sustentabilidade na América do Sul em 2008 — World Travel Awards”, “Melhor Hotel de Praia Luxo do Brasil 2007 — Revista Veja”, “Melhor Resort de Praia da América do Sul — Condé Nast Johansens 2009” – Foto Divulgação

O reduzido número de acomodações o torna ainda mais exclusivo, com quartos espaçosos e bangalôs com dois ambientes – sala e quarto – além de dois banheiros para melhor atender aos hóspedes. Os produtos de banho e beleza são da L’Occitane, marca francesa que compartilha o mesmo espírito do Kiaroa – sol, produtos da terra e o amor pela natureza. Toda sua estrutura é bem diferente do que o brasileiro pode estar acostumado a esperar de um resort em alta estação: nada de piscinas cheias, falta de espreguiçadeiras ou restaurantes tumultuados. Nos 240 mil metros quadrados desta área de proteção ambiental permanente, a (ótima) sensação é a de se estar perdido no paraíso.

Compartilhe esta história

Sobre Bruna Miranda

Bruna é empreendedora e jornalista, idealizadora da plataforma Review e da revista impressa Guia Slow Living, e está experimentando uma vida nômade pelo Brasil. É movida pelo que é atemporal ...

Publicações Relacionadas