Agenda | Review e o guarda roupa sustentável na quarta edição do Banco dos Saberes

Por Bruna Miranda

Publicado em , | Tags : , , , , , , , ,

Imagem via pinterest

Imagem via pinterest

Já é amanhã, sábado, 06/12, de 14h às 18h, nossa participação no Banco dos Saberes, no MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal, na Praça da Liberdade. O evento é realizado pelo coletivo CoLab 4D – BH – fruto do curso Prosperidade 4D: Economia Criativa e Colaborativa, ministrado pela especialista Lala Claudia Deheinzelin – e faz parte do movimento global que utiliza a economia criativa e colaborativa para fortalecer os quatro princípios da sustentabilidade: ambiental, social, cultural e financeira. A ação fomenta o consumo consciente, a diversidade cultural, a solidariedade e a ativação de espaços públicos como locais de aprendizagem, onde cada participante tem algo a ensinar, trocar e compartilhar sobre um tema, uma expertise, um saber a oferecer, de forma solidária.

Amanhã, o evento será ainda mais especial, em comemoração do Dia do Voluntário! Vamos participar com dicas muito legais e úteis para criar e manter um Guarda Roupa Sustentável: prático, eficiente e com menos desperdício, mais visão das roupas que já temos, o desapego do que não nos serve mais e ainda mais acertos na hora das próximas compras.

Várias outras atividades excelentes também estarão por lá, confira abaixo e participe também, espero vocês! Mais infos aqui.

Para já entrar um pouco no tema que vamos compartilhar amanhã, veja nossos posts sobre o Minimalize Seu Closet.

1507737_994616387220514_2095189935834172562_n

banco-saberes-lili

Lili Ito

Eliana Paes Ito, mais conhecida por Lili Ito, é cocriadora do CoLab 4D e do Banco dos Saberes e também organizadora do evento. Segundo ela, “o CoLab 4D, coletivo que organiza a ação, visa aliar a Economia Criativa à Economia Colaborativa para fortalecer o desenvolvimento sustentável. Dentro dessa ótica, quem trabalha com o que vai ensinar, também expõe produtos e faz contatos para vendas futuras, já que esse não é um evento para comercialização.” Por exemplo, se você produz peças de tricô, durante o evento ensina seu ofício a quem quiser aprender e ao mesmo tempo expõe seu produto e arte, divulgando seu trabalho. Lili ressalta que o grupo é aberto a qualquer pessoa de espírito colaborativo, que queira construir uma Beagá mais solidária, baseada nos princípios da sustentabilidade.

Compartilhe esta história

Sobre Bruna Miranda

Desde que meu armário coube na mala busco a leveza abundante dos essenciais, dos atemporais, da soma de resgates e inovações.

Publicações Relacionadas

Sem comentários ainda.

Deixe uma resposta

Comentário